TRILHAS

O que é?

O projeto TRILHAS é uma iniciativa de formação docente que apoia o trabalho de professores com alfabetização por meio de um conjunto de materiais elaborados para instrumentalizar e apoiar o trabalho do professor no campo da leitura, escrita e oralidade. No kit TRILHAS, há cadernos de orientação do professor e de indicações literárias, jogos de linguagem e cartelas para atividades, todos com a intenção de inserir as crianças no universo letrado.

Os materiais do projeto contribuem para a meta de alfabetizar todas as crianças até os 8 anos de idade, conforme o Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação e Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, e se apresentam em dois formatos, que compartilham o mesmo conteúdo: impresso, no tradicional kit TRILHAS, e online, disponível para download na biblioteca do Portal TRILHAS.

ENSINO A DISTÂNCIA DO PROJETO TRILHAS

Como posso usar e ter acesso a esses materiais?

O curso de ensino a distância é a grande aposta do Projeto TRILHAS. Ele permite ao professor ampliar a compreensão da teoria dos materiais e relacioná-la com a rotina da sala de aula.

O curso ganhou 10 horas a mais para que a prática em sala fosse garantida. Agora, são 40 horas de curso. O certificado de conclusão passou a ser validado pelo Ministério da Educação (MEC), e os materiais do TRILHAS serão entregues aos que finalizarem as atividades do EaD até setembro de 2016: dessa forma, você, professor, além de poder baixar os materiais do projeto gratuitamente pelo portal TRILHAS também pode recebê-los, no formato físico, em sua casa.
Dissemine essa ideia e divulgue o TRILHAS para sua rede de contatos!

Linha do Tempo

  • 2009

    Lançamento do projeto TRILHAS

  • 2011

    Distribuição do conjunto de materiais TRILHAS para 72 mil escolas, em mais de 60% dos municípios brasileiros, em parceria com o Ministério da Educação.

  • 2012

    Criação do Portal TRILHAS.

  • 2013

    Lançamento de duas ações de reconhecimento: Rede que Ensina e Município Leitor.

  • 2014

    Criação do primeiro curso de ensino a distância (EAD). O projeto é aprovado para integrar o Guia de Tecnologia do Ministério da Educação (MEC).

  • 2015

    Ampliação da oferta de ensino a distância (EAD), totalizando mais de 2.000 concluintes.